Danny Jones diz que o cenário musical está muito “dançante” para o McFLY

Em qualquer entrevista com o McFly surge a pergunta sobre o próximo álbum a ser lançado e todos estão bem alinhados na resposta: não é fácil compor novas músicas, principalmente com as mudanças no cenário musical. Danny Jones também falou sobre isso, afirmando que as paradas musicais estão muito dançantes para o McFly.

Leia na íntegra abaixo:

McFly: As paradas musicais estão muito dançantes para nós

McFly’s Danny Jones do McFly admitiu que a banda sente como se não se encaixasse nas atuais paradas musicais e eles estão tentando encontrar uma forma de fazer com que a sua música com guitarras seja relevante novamente.

danny jones

Danny Jones diz que o McFly sente-se perdido no atual clima “dançante”.

O gato de 31 anos – que é acompanhado por Tom Fletcher, 31, Dougie Poynter, 29, e Harry Judd, também 31, na banda – disse que ele planeja conversar com seus amigos da banda para que eles possam encontrar uma forma de se encaixarem nas paradas musicais.

O sucesso de ‘Obviously’ indicava que eles poderiam seguir a direção de Coldplay e se juntar com um conjunto de EDM como The Chainsmokers para manter-se relevantes, mas ele insiste que eles sempre permanecerão fieis às raízes da banda com guitarras.

Danny – que atualmente é um técnico no ‘The Voice Kids’ – disse ao jornal Daily Star: “Nós achamos que as paradas musicais estão um pouco dançantes demais para nós, e nós estamos tentando descobrir onde nos encaixamos.

“Nós sempre seremos uma banda de guitarras, mas olhe para o Coldplay, eles se transformaram em uma banda atual ao trabalharem com os The Chainsmokers e eu acho que nós deveríamos falar sobre isso.”

O baixista Dougie admitiu anteriormente que apesar deles terem um “bom pedaço” do novo álbum – o primeiro nos últimos sete anos, depois de ‘Above the Noise’ lançado em 2010 – pronto, tem tomado “um pouco” de tempo para juntar tudo porque eles estão tendo muita dificuldade com as composições.

Ele confessou: “Escrever é divertido, mas é difícil.
“Toma um bom tempo, mas nós ficamos fora por um tempo.
“Não será lançado até ficar pronto, mas nós temos uma boa parte pronta.”

A última atualização sobre o tão esperado disco veio do baterista Harry em dezembro, quando ele disse que a pausa deles o tornaram uma banda melhor.

Ele disse: “Nós definitivamente queremos seguir progredindo e crescendo como band. Danny tem trabalhado muito no estúdio esse ano com a produção, Tom é um escritor incrível e Dougie tem atuado e feito algumas outras coisas, então ele trará algumas novas influências e tudo mais.

“Já temos algumas músicas que eu acho que todos nós gostamos e espero que todos possamos seguir na mesma direção.”

Fonte: List.

“But we are the lovers, if you don’t believe me…”

26 anos, formada em Design Digital, cursando MBA em Gerenciamento de Projetos e trabalhando como Analista de Projetos em uma multinacional. Tem enorme paixão por música, livros, futebol e viajar ♡

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *